Google e Microsoft dificultarão busca por sites com conteúdo pirata

Nesta segunda-feira 20/02, o Google e a Microsoft firmaram um acordo com o governo britânico para dificultar a busca por sites com conteúdo pirata no Reino Unido. Com isso, os órgãos de fiscalização dos direitos autorais poderão monitorar os resultados das pesquisas que forneçam endereços para sites ilegais.

O objetivo do acordo é rebaixar os sites sinalizados por infringir as leis dos direitos autorais como o Pirate Bay, por exemplo. Consequentemente, tais sites sairão das primeiras páginas de busca e não aparecerão nas sugestões de autocompletar.

Há anos que a indústria do entretenimento vem acusando as duas companhias de fecharem os olhos para a pirataria e não tomarem medidas significativas para proteger os direitos autorais na rede.

Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe um comentário